Arquivos da categoria: Ambientes

Transformando uma sala de TV em uma brinquedoteca

Um belo dia acordamos e nossos filhos cresceram!   :(

Quando nos damos conta, “nossas crianças” se tornaram independentes e saíram de casa para formar suas próprias famílias. O vazio que fica com a saída dos filhos logo é preenchido pela imensa alegria com a chegada dos netos.

Esta não é uma história triste e sim de transformação, crescimento e amor.

Foi assim que nosso cliente com o coração cheio de amor pelos netos, contratou a Espaço Ordenado para transformar a antiga sala de TV da sua casa em uma brinquedoteca. Para atendê-lo fizemos um projeto com muito carinho e cuidado e principalmente respeitando a faixa etária das crianças, de 1 à 5 anos.

Vamos lá! Mãos à obra.

Transformando uma sala de TV em uma brinquedoteca cheia de vida e divertida.

Para começar, melhoramos a iluminação do local com a instalação de mais lâmpadas ao redor da sala. Mudamos a pintura das paredes brancas e demos um ar mais alegre em uma das paredes, com a cor “verde clorofila” da Suvinil. Nesta parede criamos uma lousa, usando uma tinta especial e a moldura foi feita com madeira. Como um toque de acabamento usamos adesivos para decorar.

Para trazer mais conforto e segurança, revestimos o piso de madeira com um piso vinílico, muito indicado para crianças nesta faixa etária. Este trabalho foi feito com a Revestvinil, onde fomos muito bem atendidas. Esta parceria rendeu uma matéria na revista “Estilo Baby” deste mês.

Para ajudar na decoração da nova brinquedoteca, trocamos a cortina de tecido por uma contina “rolo” que é de fácil higienização e acumula menos poeira.

Agora o ambiente já está pronto para receber os novos brinquedos, material de pintura e desenho e filmes.

Com certeza esse será o cômodo preferido das crianças na casa do vovô.

Esse foi um projeto que nos encheu de alegria, pois antes de sermos Personal Organizers, somos mães e adoramos nos dedicar a elas.

Brinquedoteca antes blog Antes

Brinquedoteca depois blogDepois

Imagem destacada

O Inverno e o armário

Inverno

Estamos próximos do início do inverno. Dia 21 de junho começa a estação mais fria do ano. Hora de preparar os armários para acomodar malhas e casacos mais pesados. Se há pouco espaço nos seus armários, é provável que tenha o costume de fazer um rodízio mantendo essas peças em maleiros e nas prateleiras superiores. Agora é hora da inversão.

Selecione peças de verão como vestidos de alcinha, calças muito claras e de tecidos leves, blusas frescas, shorts e camisetas decotadas, biquínis e acessórios de praia e piscina, lave o que precisar e acomode tudo para “subir”. Neste momento, em algumas regiões do país, essas serão peças para serem usadas daqui uns 4 ou 5 meses. É bom considerar que nosso clima é inconstante, por isso, deixe umas peças à mão para aqueles dias surpreendentes de calor no meio do inverno, ou para uma viagem de escapada do frio para alguma região mais quente.

Se ao final do inverno anterior, você guardou as peças já lavadas (o que é sempre o mais indicado), basta retirar as peças de inverno de caixas, protetores de TNT e Space Bags e deixá-las ao ar livre para “respirar”. Alguns dias assim, casacos costumam desamassar e as roupas perdem aquele cheirinho de “armário”.

  1. Aproveite para fazer um bom descarte. Muitas vezes o que guardamos de uma estação pra outra perde o atrativo.
  2. Procure visualizar os “looks” que usará nos próximos meses e mantenha realmente as peças que gostaria de usar. É provável que queira substituir algum item por um mais novo ou comprar um complemento qualquer.
  3. Considere que peças de inverno são mais volumosas e precisam de espaço para arejar. Não abarrote seu armário com malhas e casacos desnecessários. Vale investir em boas peças que sejam valetes e combinem com diferentes produções.
  4. Essa é uma estação em que os acessórios ajudam muito a renovar a roupa: uma echarpe, cachecol, mudar a cor de uma malha básica com o mesmo casaco, uso de meias com diferentes texturas, botas, cintos e bolsas com detalhes…

Sem dúvida, o inverno é uma estação onde ficamos mais charmosas e arrumadas.

Use as sugestões já citadas para acondicionar as peças de verão e esperar pelo retorno dessa  estação.

Caso você ainda não tenha, seguem ideias:

Para armários sem porta escolha caixas bonitas que possam ficar expostas e esconder seu conteúdo
Caixas bonitas podem ficar expostas

– caixas com revestimento de couro, tecidos impermeáveis ou até de cartonado reforçado podem acondicionar algumas peças de uma estação para outra

– para itens que, você imagina, precisarão de acesso mais regular, melhor colocar nesses protetores de TNT. Além das peças estarem protegidas contra poeira, respiram e tem fácil acesso: basta abrir um zíper.

Maleiro com diferentes tipos de organizadores
– no maleiro fechado é possível usar os amigos Space Bags com itens diversos que permanecerão até a chegada do próximo verão – ex: calças leves, conjuntos, camisolas e pijamas de verão…
– protetores de TNT com visor para facilitar caso necessário – ex: shorts e camisetas, casacos mais leves…
– sacos de TNT com visor – ex: para vestidos de  verão…
Faça isso e vai ver como tornará seu dia a dia de inverno mais fácil!! 

Cozinha organizada, cozinha mais limpa

cozinha limpa
É nela que você prepara os alimentos para manter sua família saudável? Então quanto mais organizada, mais fácil será mantê-la limpa e higienizada. A limpeza completa de uma cozinha é trabalhosa e leva às vezes mais que um dia. Mas você não precisa fazer tudo de uma vez. 

Divida em partes: 

1. Faça a organização dos armários e a limpeza – para a organização dos armários, setorizar objetos da mesma classe, facilita a localização. Aproveite esse momento para o descarte daquilo que não usa e para limpar os espaços. O melhor é usar produtos neutros: água e detergente é o que realmente elimina a gordura. Não esqueça de higienizar os puxadores – é onde mais colocamos as mãos.
2. Tire um dia para os eletrodomésticos – para os eletrodomésticos maiores, algumas orientações: USO DO VINAGRE
. fogão – aproveite o dia que usá-lo para fazer um bolo ou um assado, sendo que ele já estará quente, e coloque um copo de vinagre num recipiente resistente ao calor dentro do forno depois de usá-lo (ainda quente). Deixe esfriar um pouco e em seguida esfregue-o. Você verá que toda a gordura ou crosta aderida ao metal e ao vidro irá embora com a maior facilidade. Pode fazer o mesmo no tampo do fogão: usar um produto de limpeza desengordurante de sua preferência ou apenas o vinagre. Não use palhas de aço ou buchas de lixamento para não riscar. Basta um pano macio ou toalhas de papel absorvente.
. máquina de lavar louça – para higienizar, coloque na prateleira de cima uma xícara com vinagre e ligue sua máquina sem nenhuma louça dentro (pode ser no processo mais curto). Faça isso ao menos uma vez por mês.
. micro-ondas – coloque um copo de vinagre para ferver dentro do micro e deixe-o fechado agindo por meia hora. Abra e limpe o seu interior com um pano macio.
. os de uso frequente, liquidificador, batedeiras, mix, torradeiras, sanduicheiras, processadores… devem ser limpos e bem higienizados a cada uso. Isso evita o acúmulo de restos de alimentos nas borrachas e nos acessórios e a proliferação de micro-organismos.
. para parte externa da geladeira, do micro-ondas, do forno elétrico e da máquina de lavar louça, um pano úmido com sabão neutro é o mais indicado.
3. Limpe piso, paredes e janelas (aquela mais pesada é claro, porque todos os dias deve-se varrer, passar um pano embaixo dos armários, retirar o lixo e higienizar a lixeira…) – Sim, você deve usar o aspirador de pó na cozinha. Por mais que você passe pano, alguns cantinhos embaixo dos armários, da geladeira, do fogão, ainda acumulam pó e restos de lixo. Use um esfregão ou um pano, com o produto de limpeza mais adequado para seu piso e água morna, troque, se necessário, caso a água fique muito suja, e passe por último um pano limpo para secar, umedecido com um pouco de álcool (isso fará seu piso secar mais rápido, pois ajuda na evaporação da água). Espane as paredes e remova possíveis teias de aranhas dos cantos. Paredes azulejadas devem ser lavadas ao menos uma vez por mês para retirar o acúmulo de gordura e pó. As janelas devem ser limpas por dentro e por fora.
E aqui vão 3 dicas bem bacanas de USO DO BICARBONATO DE SÓDIO:
– bicarbonato de sódio com vinagre branco comum é um limpador excelente para aço inoxidável. Ele elimina a gordura e não risca a superfície.
– na lixeira da sua cozinha, usar uma folha de papel toalha no fundo com uma colherinha de bicarbonato de sódio, mantém a lixeira cheirando melhor e torna mais fácil a limpeza no futuro.
– sua pia seja de mármore, granito ou inox, é local que deve ser mais limpo na cozinha. Para garantir a higienização, coloque nela uma mistura de água com bicarbonato de sódio, deixe agir por 15 min, enxague e seque. (mantê-la seca evita a proliferação de bactérias e micro-organismos).
Para os amantes da culinária, um ambiente organizado e limpo é mais estimulante para testar novas receitas e ganhar ainda mais elogios! 

Closet, um sonho para um dia realizar

O dia que decidir que terá o seu closet, quantifique as roupas, sapatos, acessórios que você tem: faça uma lista pensando na quantidade de cada item que quer guardar. Uma dica: dê prioridade as araras para pendurar as roupas, pois isso evita ter que dobrá-las e repassá-las a toda hora. Quanto aos outros itens, nessa hora, o auxílio de uma personal organizer poderá orientar a distribuição dos seus armários e isso evitará equívocos comumente encontrados por nós quando vamos realizar uma organização. Outra dúvida muito comum: closet sem ou com porta? Claro que isso depende muito de gosto pessoal, mas os fechados, mesmo que parcialmente, pegam menos pó e conservam melhor as peças.
Seguem exemplos, com algumas observações, para auxiliar se você pensa em ter, ou em dar um up-grade no seu:
  • CLOSET SEM PORTAS 
 Portas de acesso revestidas
Parte interna

    A porta dupla que dá acesso ao closet ganhou forro de tecido (Larmod, coleção Mocha) aplicado diretamente no compensado e fixado com cola branca diluída. “São soluções simples que trazem aconchego”. O closet, além de espaço para roupas, abriga uma bela sapateira, sonho de todas. 

  
Closet sóbrio
Closet com decoração sóbria torna o ambiente clássico. Uso de caixas padronizadas permite organização sem poluir o visual dos espaços abertos e conservam os objetos protegidos do pó.

Closet atrás de porta de espelho
A porta de correr com espelho fecha o closet, que possui prateleiras laqueadas e gavetões com frente de acrílico para facilitar a visualização das peças. Na cômoda auxiliar abaixo da janela, os puxadores coloridos são da Rupee Rupee. Um charme à parte que dão toda uma graça!

  • CLOSET COM PORTAS
Portas laminadas de correr
As portas de correr garantem maior área de circulação e é possível ganhar espaço para um pufe, sempre muito útil. Com a ajuda de uma personal organizer, a moradora fez uma distribuição equilibrada das outras roupas. Detalhe para a padronização dos cabides: faz toda a diferença!

                                                                      
Portas externas painel revestidas em couro
Este é um closet que tem formato em U, e roubou um pedaço de um outro cômodo anexo ao quarto do casal. Repare que as camisas dele ficam na arara de cima, e as blusas dela, na de baixo. Módulos com gavetas e prateleiras para acessórios ocupam as duas laterais. Portas internas de correr executadas com alumínio e vidro (Cinex) protegem as roupas da poeira.

                                                

Portas ventiladas em corredor
Closet e banheiro da suíte se fundem num corredor que dá acesso tanto aos sanitários como ao boxe do chuveiro. As portas do armário de correr, quando abertas, cobrem o nicho da bancada (1,20 m), encaixada no meio. Uma ótima solução para pequenos espaços e que permite o uso simultâneo pelo casal.

Quem sabe você se anima e nos chama para conquistar e organizar
o closet dos seus sonhos?!

(fotos revista Casa Cláudia e Casa Cor Brasília)

Mesa de trabalho

Há poucos dias saiu uma publicação na Folha de São Paulo sobre as mesas de trabalho de quatro executivos: Graça Foster, Roberto Justus, Luiza Trajano e Paulo Morelli. Foram fotografadas, em dias normais de trabalho,as mesas dos quatro. E o que está posto sobre elas diz muito sobre esses profissionais, afirmam estudiosos do mercado e da mente. 

Texto publicado: 

“A mesa de trabalho fala. Fala pelos objetos que a pessoa escolhe colocar ali, que são essenciais, seja para a atividade profissional ou para lembrá-la do que está lá fora. As mesas são como ‘atos falhos’, que expõem aspectos da personalidade”, diz a psicóloga e terapeuta do trabalho Célia Uliane.
 
Veja o que disse Graça Foster: “Sei exatamente o que são e onde estão os documentos que posiciono sobre a mesa. As análises são integradas, por isso consulto diferentes relatórios e bases de dados simultaneamente. Eu me encontro no meu jeito de organizar a papelada” 

Justos: ganhou na categoria “computador de última geração”. Sua máquina é a maior (e a mais fina) dentre todas as fotografadas. “É importante”, garante. O design não termina no computador: Justus tem ainda miniaturas de carros e peças cromadas na mesa de pedra, que considera “organizada”. 

Luiza Trajano ponderou estar numa fase mais “clean” do que no passado. E mais tecnológica também: “Fui uma das primeiras de toda a empresa a comprar um iPad e usar para trabalhar”. 

Paulo Morelli, sócio de Fernando Meirelles e da produtora Andrea Barata Ribeiro reconheceu: “Tem muita firula na minha mesa para ir para a gaveta”, diz. O gravador e a calculadora são duas delas: “Uso celular ou tablet para fazer isso hoje em dia”.
 
Respeitando a individualidade de cada profissional, algumas orientações podem facilitar e ajudar a manter a organização:
. Na mesa de trabalho manter uma caixa de correspondência de entrada e saída para organizar os papéis. Ao menos uma vez por semana deve-se fazer uma dispensa dos assuntos resolvidos e uma reentrada dos pendentes. 

. Quanto menos objetos, papéis, recordações você acumular sobre a mesa de trabalho, mais fácil será manter o foco. Sempre que possível utilizar só coisas pertinentes ao trabalho e respeitar a agenda. 

. Evitar copos com líquidos, fios soltos e muitos acessórios, pois eles podem causar desconcentração, acidentes, desvio da atenção e atrasar o desempenho de suas tarefas. 

 
A seguir alguns acessórios de mesa que podem dar uma leveza ao ambiente de trabalho: 


Caixa de correspondência giratória
Caixa de correspondência de encaixe
Organizador de fios
Suporte para copos externo
Porta-cartões
Organizadores para acessórios
 
Acessório bem-humorado
Porta marcador tipo “post it”
Luminária “clean”


Veja a seguir as orientações da consultora de estratégia humana, Andrea Piscitelli em outro post já publicado neste blog.