Arquivos da categoria: Espaço

Imagem destacada

Bancos, banquetas e banquinhos

Muito úteis e charmosos, essas peças, além de serem um complemento da decoração, podem auxiliar no dia a dia para receber e acomodar, além de pessoas, alguns itens. Se usados para sua função original servem em salas, balcões, cozinha e escritórios. Mas podem ter variadas utilidades.

Os bancos podem delimitar ambientes e criar um clima dentro de casa, nas varandas e nos jardins.

Banco de Varanda 1
Personalidade para varanda do apartamento
Banco para sentar e relaxar
Banco para sentar e relaxar
Com floreira para o jardim
Com floreira para o jardim
Banco Brasília de Fernando Jaeger
Banco Brasília, de Fernando Jaeger, com apoio inferior para objetos
Banco sobre banco, eis que surge uma estante!
Banco sobre banco, eis que surge uma estante!
Banco para jardim com depósito na parte inferior
Banco para jardim com depósito na parte inferior

As banquetas altas permitem a reunião de pessoas em balcões e mesas.

Charme puro para balcão da cozinha
Charme puro para balcão da cozinha
Acomodando amigos para um bom vinho
Acomodando amigos para um bom vinho

Os banquinhos são os mais versáteis: estepes para os momentos do “chegou mais um”, podem ser guardados em pequenos esconderijos num canto ou embaixo de algum outro elemento da decoração.

Banco Pop - opção criativa e barata para vários ambientes
Banco Pop – opção criativa e barata para vários ambientes
Banco Philips da Dpot - altura do assento ajustável - maravilhoso design de  Jader Almeida
Banco Philips da Dpot – altura do assento ajustável – maravilhoso design de Jader Almeida
Banquetas Arepitas empilháveis, design Pedro Useche
Banqueta Arepitas empilhável, design Pedro Useche
Esses banquinhos Snoop são uma graça! Empilháveis, podem virar mini estantes também
Esses banquinhos Snoop da marca italiana B-Line, desing de Karim Rashid, são uma graça! Empilháveis, podem virar mini estantes também
Este simpático banco dobrável é um ótimo companheiro - tem nos acompanhado sempre em nossos trabalhos.
Este simpático banco dobrável é um ótimo aliado. Resistente, leve e fácil de carregar, tem nos acompanhado sempre em nossos trabalhos.

Certeza que com estilo é possível encaixá-los em qualquer ambiente.

Semana da criança – Dormitórios Infantis

Muitas vezes o mesmo lugar que se brinca é o lugar de descanso pela noite. Por isso o quarto das crianças deve ser um ambiente de liberdade, mas ao mesmo tempo que transmita segurança e aconchego.

 
Escolher acessórios decorativos relativos a cada idade é muito importante. Ter objetos que acomodem os brinquedos acessíveis e seguros é mais importante ainda, para que os pequenos participem desde cedo da manutenção da ordem. Dormir em um ambiente organizado fará com que as crianças tenham um soninho ainda mais agradável.
 
Evite colocar a cama próxima de janelas e se o espaço for pequeno, móveis muito altos darão a sensação de que o ambiente é menor ainda. O uso das cores deve ser bem pensado: melhor usar cores mais suaves nas paredes e deixar as cores vibrantes para adornos e brinquedos. 
Determine claramente as funções no espaço:
Local para dormir
Armários para roupas

 

Bancada para desenhar e estudar
Local para organizar brinquedos
Área para brincadeira
Dependendo da idade é muito bom ouvir a opinião deles quanto as cores e incentivar a participação na organização do ambiente, identificando caixas organizadoras com seus próprios desenhos ou com suas letrinhas.

Aproveitem a chegada do Dia das Crianças e pensem em renovar alguns elementos nos dormitórios de seus filhos, fazendo uma reorganização dos espaços e o descarte de brinquedos ali parados que não estejam mais adequados as suas idades. Melhor ainda se puder fazer com que os pequenos os acompanhem no momento de fazer uma doação. Isso vale muito para o aprendizado!!! Mesmo usado, só doe brinquedos em bom estado. 
É muito bom ver o olhinho brilhando de uma criança ganhando um brinquedo, não é mesmo! 
 
Quer saber onde doar? Clique aqui!

Coleções – ideias para organizar

Difícil definir porque razão iniciamos uma coleção: seja porque nos remetem a algum momento especial e afetivo, herdamos objetos de alguém querido, nos inclui em um grupo, simplesmente gostamos do tema ou pensamos no valor financeiro que poderá ter algum dia.
Muitas vezes isso acaba se tornando um hobby. O certo é não confundir colecionismo com colecionar. No primeiro caso, a pessoa não consegue jogar nada fora, temendo precisar do item um dia e pode virar um acumulador. Terapeutas afirmam que existam componentes genéticos e psicológicos, como a tentativa de compensar uma carência. O tratamento pode envolver medicamentos e psicoterapia.
Aqueles realmente colecionadores acabam se tornando especialistas no assunto de seu interesse e quando os amigos percebem que você curte, aparecem com mais itens de presente.
E aí você se pergunta: “Como organizar tudo isso? Em que espaço irei colocar minha coleção?”
Nossa orientação, é que o ideal, é encontrar uma maneira de expor os objetos. Dependendo do que coleciona, você pode organizar por ordem alfabética, por cor, por data de aquisição, por locais…. Seguindo a premissa de organização que tudo deve estar à vista e acessível, seguem algumas imagens de coleções organizadas para fácil apreciação e algumas incorporadas à decoração. 
Afinal quem coleciona, normalmente, tem prazer em mostrar e discorrer sobre o assunto. Quase sempre há uma história interessante na conquista de um objeto de desejo!
 
Carros antigos
Pinguins
Miniaturas de super-heróis
Máquinas fotográficas
Tampinhas de garrafas
Latinhas de cerveja
Garrafas
Vasos
Assim expostos ficam muito mais bonitos, não acham?!
 

Criatividade na organização dos Banheiros

Já faz tempo que os banheiros ganharam maior destaque dentro das residências. Com  louças, metais e acessórios de design arrojados e inovadores, esses pequenos ambientes, na maioria das vezes, necessitam de atenção especial e uma boa dose de criatividade para se manterem organizados. Aqui seguem algumas ideias:

 

1. Cubas em diferentes formatos exigem novas soluções para gabinetes. 
Aqui, gavetões organizam vários itens.
2. Lavatórios tradicionais ganham ar de modernidade 
com o auxílio de carrinhos móveis.
Bandejas e caixinhas dão um charme.
3. Próximo das banheiras, sugestão de peças de apoio soltas, práticas,
econômicas e descoladas.
4. Bancadas grandes podem conter nichos para o uso de cestos
ou caixas. Economiza-se nos gastos com a marcenaria e 
tudo fica acessível e organizado.
5. Releitura de uma cômoda pode dar origem a um gabinete bacana 
numa reforma de um banheiro.
6. Solução simples para setorizar alguns itens na porta de um gabinete tradicional.
Essas são algumas ideias para estimular a criatividade. Cada coisa em seu lugar e esse pequeno espaço que visitamos todo dia, ficará ainda mais agradável!